dia internacional da mulher

Dia Internacional da Mulher
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on linkedin

O Fórum das Associações Moçambicanas de pessoas com Deficiência (FAMOD), associa-se às comemorações do dia Internacional da Mulher, prestando homenagem a todas as mulheres, e raparigas, em particular as mulheres e raparigas com deficiência, que segundo evidencias empíricas, enfrentam dupla discriminação decorrente do seu género e deficiência.

 

Em Moçambique, segundo dados conservadores as mulheres com deficiência representam 49% da população com deficiência (INE, 2017). As mulheres com deficiência, apresentam níveis de pobreza e exclusão social acentuados se comparados com o resto da população. As mulheres com deficiência apresentam condições de vida muito piores quando comparadas com as mulheres sem deficiência e pequenas diferenças com os homens com deficiência (SNTEF, 2009). Os níveis de alfabetização das mulheres com deficiência são inferiores ao do resto da população (69% contra 82%) (RAVIM & HI, 2010). No âmbito da Covid-19, foram documentadas violações graves e múltiplas dos direitos humanos contra mulheres e meninas com deficiência. 

 

As celebrações deste ano do dia internacional da mulher acontecem sob o lema ‘Mulheres na liderança: Alcançando um futuro igual em um mundo com COVID-19’. É importante que esforços de construção pós pandemia do Covid-19 tomem em consideração as necessidades especificas das mulheres e raparigas com deficiência, e que estas façam parte dos processos de tomada de decisão de todos os assuntos que de forma direta ou indireta afecta as suas vidas.

 

O FAMOD esta comprometido em assegurar a igualdade do género dentro do movimento, tendo inclusive, em 2020 revisto os Estatutos para dentre outros assegurar representação de mulheres nos diversos órgãos do FAMOD; e adotou uma Política do Género. No no âmbito da implementação do seu Plano Estratégico (2021-24), o FAMOD vai continuar a envidar esforços com vista ao estabelecimento de organizações representativas de mulheres e raparigas com deficiência, e sua capacitação para que possam efetivamente participar dos processos de tomada de decisão. 

Receba actualizações e fique conectado.

Compartilhe este post com seus amigos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Artigos Relacionados

Doadores e Parceiros